RÁDIO AO VIVO
Programa
RESUMO DO DIA NOTÍCIA E MÚSICA
Ouça tambem:

Quase R$ 5 bi de valores do auxílio emergencial pagos indevidamente no ano passado já voltaram aos cofres públicos

Compartilhar: FACEBOOK TWITTER WHATSAPP
Foto: Reprodução

Quase 5 bilhões de reais pagos indevidamente, a título de auxílio emergencial, no ano passado, foram devolvidos aos cofres públicos entre janeiro e abril deste ano.

De acordo com informações do novo secretário do Tesouro Nacional, Jeferson Bittencourt. somente em abril, as devoluções somaram R$ 700 milhões.

A devolução do pagamento irregular do benefício está prevista na lei que criou o auxílio emergencial, aprovada pelo Congresso em março do ano passado, e consta como uma das obrigações da Declaração do Imposto de Renda Pessoa Física de 2021.

Como forma de tentar recuperar o valor pago a quem não tinha direito, Receita Federal incluiu, nas regras da declaração do imposto este ano, a obrigatoriedade de acertar as contas como Leão todo contribuinte que recebeu alguma parcela do auxílio emergencial em 2020 e teve rendimento tributável acima de R$ 22.847,76.

A exigência vale, inclusive, para dependentes do titular da declaração que tenham recebido parcelas do auxílio emergencial no ano passado.

Deixe seu comentário


+ ECONOMIA








+ Brasil