RÁDIO AO VIVO
Programa
JORNAL 012
Ouça tambem:

Dores musculares e na coluna podem ser causadas pela falta de movimentação do corpo

Compartilhar: FACEBOOK TWITTER WHATSAPP
Foto: Reprodução

Um estudo global, realizado em 2020, mostra que o fechamento de parques, academias e espaços voltados para a prática esportiva contribuiu para o aumento do sedentarismo.

O isolamento social também fez as pessoas ficarem mais tempo sentadas diariamente, principalmente na frente do computador ou utilizando o celular.

Uma das consequências foi o crescimento de problemas muscoesqueléticos, com queixas principalmente de dor nas costas e no pescoço.

De acordo com a fisioterapeuta Walkíria Brunetti, o nosso corpo tende a buscar o melhor desempenho com o mínimo esforço.

Por isso, quando deixamos de utilizar alguma parte, ele se adapta à posição que exige menos amplitude de movimento e começam a surgir os problemas posturais.

Esse encurtamento muscular passa a comprometer os movimentos do dia a dia, como abaixar para amarrar os sapatos ou tentar pegar um objeto no alto.

Nos quadros iniciais e agudos, a recomendação pode ser realizar a fisioterapia com RPG, a Reeducação Postural Global, técnica que promove alongamento por meio do equilíbrio e da manutenção da postura.

Outra opção para prevenir novos quadros de dores é o Pilates, que traz benefícios como fortalecimento muscular, controle da respiração e aumento da flexibilidade.

Para cada caso, o ideal é sempre consultar um especialista para que ele indique qual a prática mais adequada.

 

Deixe seu comentário


+ SAÚDE








+ Brasil